sábado, 10 de março de 2018

O que é a aura humana?


A aura humana é uma força energética evolutiva, que reúne todas as nossas informações físicas e metafísicas, que sustenta a vida e caracteriza o ser humano. Sem ela, não poderíamos existir. Ela é uma radiografia de todas as nossas vidas desde o momento de nossa formação espiritual e contem dados sobre o passado, sobre a vida presente e até mesmo tendências futuras.
A aura é sempre visível?
Sob condições adequadas, que discutiremos mais adiante, a aura pode ser vista por quase todos. Embora de maneira geral sua visualização constitua um processo natural e espontâneo, o aperfeiçoamento da nossa capacidade de vê-la quase sempre requer a pratica, em algum grau, de procedimentos sistemáticos. Pelo exercício e pela experiência, é possível desenvolvermos a faculdade não só de ver a aura, mas também de interpreta-la.
Existem equipamentos especiais para visualização da aura?
Embora haja alguns dispositivos que ajudam, tais como óculos especiais, em geral, não há necessidade de equipamentos especiais, os quais na verdade poderiam dificultar a visualização, em alguns casos. Existem também vários tipos da maquinas fotográficas, incluindo a que é usada na eletrofotografia, que podem ser empregados para registrar a aura (ou detalhes dela). Contudo, em razão de contínua transformação da aura, a utilidade desses aparelhos é limitada, exceto como instrumentos de pesquisa.
As crianças vêem a aura?
A aura é um fenômeno natural, e é comum as crianças – sem qualquer treinamento em procedimentos sistemáticos de visualização – relatarem que costumam vê-la. Todavia, com a maturidade, a nossa capacidade de visualização espontânea diminui e pode acabar escondida no subconsciente. É concebível, entretanto, que continuemos a ver e a reagir à aura no nível subconsciente pelo resto da vida.
Minha aura se mantém inalterada no dia a dia?
A aura constitui um sistema dinâmico e evolutivo, portanto, sujeito a uma continua transformação. Embora sua constituição exclusiva, ou estrutura básica, seja normalmente estável, o sistema áurico dispõe de flexibilidade suficiente para alterar sua coloração, intensidade, amplitude e freqüência.
Posso ver a minha própria aura?
Atualmente existem técnicas extremamente eficazes para visualizarmos a nossa aura. Descreveremos vários desses procedimentos.
                                                                          
Até que distância do corpo físico a aura se estende?
A despeito de a aura visível, como é usualmente visualizada, estender-se apenas a alguns centímetros do corpo (linha branca), é possível que uma aura inteira , enquanto fenômeno energético se estenda ao infinito. É bastante provável que a aura humana esteja em constante interação com outras dimensões de tempo, espaço, energia e matéria.
O meio ambiente interfere na aura?
A aura é sensível à totalidade do nosso ambiente interno e externo. Os fatores mentais, físicos, espirituais interagem constantemente para atuar sobre a aura. Traços de personalidade, condições de saúde, interesses pessoais, questões sociais, estados emocionais e as circunstancias do momento podem exercer um efeito drástico e imediato sobre a aura. Mesmo eventos distantes, globais ou cósmicos, podem alterar a aura.
Condições adversas que podem afetar a aura.
Uma vasta gama de estados mentais negativos, tais como ansiedade, hostilidade e frustrações, podem exercer um efeito devastador sobre o corpo e drenar a energia do sistema áurico. Da mesma forma, a falta de auto-estima, um conceito desfavorável sobre si mesmo e relação sociais negativas podem debilitar a aura e reduzir seriamente seu suprimento de energia. Os poluentes ambientais e certas substâncias presentes nas drogas podem temporariamente descolorir a aura ou diminuir sua extensão.
Fatores positivos que atuam sobre a aura.
O amor, a força mais poderosa do universo, invariavelmente expande, ilumina e energiza a aura. Dentre os demais fatores que a fortalecem destacam-se uma imagem positiva de si mesmo, sensação intensa de bem-estar, equilíbrio e harmonia interiores e interesse genuíno pelos outros. Cada esforço para ajudar o próximo ou para tornar o mundo um lugar melhor injeta uma energia que se irradia por todo o sistema áurico.
Qual a importância psíquica da aura?
Por constituir uma crônica da historia de cada individuo, a aura pode fornecer informações importantes e não disponíveis por meio de outras fontes. Um número cada vez maior de evidências sugere que, alem das experiências de vidas passadas e presente, os eventos futuros, positivos e negativos, podem estar registrados na aura. Sua simples visualização é capaz de ativar nossas faculdades psíquicas, incluindo telepatia, premonição e clarividência.
Todas as auras tem cor?
A aura humana jamais perde a coloração. Embora a intensidade e a distribuição de cores possam variar consideravelmente, em termos gerais, a aura se caracteriza pela predominância de uma cor numa estrutura áurica relativamente estável. Embora às vezes se observem áreas brancas, a aura inteiramente branca, que significa perfeição, não existe.

Os animais tem aura?
Assim como os seres humanos, todos os animais tem aura, embora suas características sejam substancialmente diferentes da aura humana. A aura dos animais é normalmente menos complexa no que se refere à estrutura, mas sua coloração á mais intensa do que a nossa. Comparada à aura dos animais selvagens, a aura dos animais domesticados tem uma amplitude maior e uma coloração mais suave. Curiosamente, a aura dos animais de estimação freqüentemente assume certas características de coloração, inclusive a cor dominante, dos seus primeiros donos. Com exceção dos animais doentes ou estressados, tais como aqueles que foram retirados da vida selvagem e colocados numa jaula, raramente se constata descoloração na aura dos animais.
As plantas tem aura?
Todas as plantas, qualquer que seja o seu porte, são dotadas de sistemas energéticos próprios, alem de um campo energético que as circunda, o qual, embora não seja habitualmente chamado de aura, apresenta algumas características semelhantes às da aura dos seres humanos e dos animais.
Em muitos casos, os padrões energéticos ao redor das plantas aparecem como uma extensão iridescente de sua estrutura básica e de suas cores. Percebemos ao longo de experiências que a nossa interação com a vida das plantas, especialmente das arvores, pode influenciar o nosso próprio sistema energético.
Qual a relação entre a aura e o corpo físico?
A aura é uma manifestação visível da força vital que energiza a totalidade do nosso ser – físico, mental e espiritual. Sem essa força vital que o energiza, o corpo físico não funcionaria. Embora o corpo físico dependa da força vital refletida na aura, essa força vital independe do corpo físico. A aura, ao manifestar a força vital que serve de base para a nossa existência, também manifesta a nossa imortalidade como seres espirituais.
Qual a relação entre a aura e corpo astral?
O corpo astral, às vezes chamado de corpo etérico, é o correspondente não físico do corpo biológico. Ambos são mantidos pelo mesmo sistema energético de origem cósmica – o corpo astral em caráter permanente e o biológico, apenas temporário. Sem essa fonte de energia, não poderíamos existir fosse sob a forma física, mental e espiritual. Como já observado aqui, a aura humana é a manifestação visível dessa fonte de energia.
Qual a relação entre a aura e consciência?
A percepção consciente constitui a essência da nossa existência como fonte permanente de energia. A consciência individual é energia cósmica especialmente projetada para assegurar tanto a nossa individualidade como a nossa imortalidade. A nossa existência como entidade consciente é sustentada por um sistema de energia que compreende a aura e seu núcleo. É bastante freqüente considerar-se esse núcleo como a eterna centelha da divindade que nos liga às nossas origens espirituais e dê sentido e permanência à nossa existência consciente.
O que acontece com a aura na morte?
A morte, mais do que um término de nossa existência como ser consciente, é o portal para um nova e estimulante dimensão de crescimento continuo. Embora na morte, o corpo físico “expire” como forma de vida, o não físico permanece energizado ao ascender para o plano extrafísico. Neste plano, a força vital permanente, refletida pela aura, continua sendo a mesma força vital de energização da nossa existência como entidades conscientes. Em alguns casos, a aura desprendida é visualizada como uma forma brilhante de energia que se ergue suavemente do corpo físico no momento da morte.
Em resumo, o sistema áurico humano está intimamente ligado a totalidade do nosso ser, permeando-nos e energizando-nos nos níveis físicos, mental e espiritual. É uma crônica em permanente evolução das nossas vidas, desde os nossos primórdios até o presente. É a manifestação do nosso destino de permanência e grandiosidade. Embora sua estrutura básica seja relativamente estável, é sempre sensível e reage ao nosso esforço de dirigi-lo.
Agora equipados com uma compreensão mais profunda da aura e de sua poderosa natureza, estamos prontos para explorar as novas e instigantes dimensões da mente, do corpo e do espírito. A nossa missão – dominar as novas estratégias que energizam a nossa vida no presente e nos preparam para um crescimento ilimitado no futuro.

Fonte: http://templodeyris.com.br/clinica_plenitude 

Axé

sexta-feira, 9 de março de 2018

Separação - Vale a pena Ler..


Naquela noite,enquanto minha esposa servia o jantar, eu segurei sua mão e
disse: "Tenho algo importante para te dizer". Ela se sentou e jantou sem
dizer uma palavra. Pude ver sofrimento em seu...s olhos.

De repente, eu também fiquei sem palavras. No entanto, eu tinha que dizer
a ela o que estava pensando.Eu queria o divórcio. E abordei o assunto
calmamente.

Ela não parecia irritada pelas minhas palavras e simplesmente perguntou
em voz baixa: "Porquê?"
Eu evitei respondê-la, o que a deixou muito brava. Ela jogou os talheres
longe e gritou "você não é homem!" Naquela noite, nós não conversamos
mais. Pude ouví-la chorando. Eu sabia que ela queria um motivo para o fim
do nosso casamento. Mas eu não tinha uma resposta satisfatória para esta
pergunta. O meu coração não pertencia a ela mais e sim a Jane. Eu
simplesmente não a amava mais, sentia pena dela.
Me sentindo muito culpado, rascunhei um acordo de divórcio, deixando para
ela a casa, nosso carroe 30% das ações da minha empresa.

Ela tomou o papel da minha mão e o rasgou violentamente. A mulher com
quem vivi pelos últimos 10 anos se tornou uma estranha para mim. Eu fiquei
com dó deste desperdício de tempo e energia mas eu não voltaria atrás do
que disse, pois amava a Jane profundamente. Finalmente ela começou a
chorar alto na minha frente, o que já era esperado. Eu me senti libertado
enquanto ela chorava. A minha obsessão por divórcio nas últimas semanas
finalmente se materializava e o fim estava mais perto agora.

No dia seguinte, eu cheguei em casa tarde e a encontrei sentada na
mesa escrevendo. Eu não jantei, fui direto para a cama e dormi
imediatamente,pois estava cansado depois de ter passado o dia com a Jane.


Quando acordei no meio danoite, ela ainda estava sentada à mesa,
escrevendo. Eu a ignorei e volteia dormir.

Na manhã seguinte, ela me apresentou suas condições: ela não queria
nada meu, mas pedia um mês de prazo para conceder o divórcio. Ela pediu
que durante os próximos 30 dias a gente tentasse viver juntos de forma
mais natural possivel. As suas razões eram simples: o nosso filho faria
seus exames no próximo mês e precisava de um ambiente propício para
prepar-se bem,sem os problemas de ter que lidar com o rompimento de seus
pais.

Isso me pareceu razoável, mas ela acrescentou algo mais. Ela me lembrou do
momento em que eu a carreguei para dentro da nossa casa no dia em que nos
casamos e me pediu que durante os próximos 30 dias eu a carregasse para
fora da casa todas as manhãs. Eu então percebi que ela estava
completamente louca mas aceitei sua proposta para não tornar meus próximos
dias ainda mais intoleráveis.

Eu contei para a Jane sobre o pedido da minha esposa e ela riu muito
e achou a idéia totalmente absurda. "Ela pensa que impondo condições assim
vai mudar alguma coisa; melhor ela encarar a situação e aceitar
o divórcio", disse Jane em tom de gozação.

Minha esposa e eu não tínhamos nenhum contato físico havia muito tempo,
então quando eu a carreguei para fora da casa no primeiro dia, foi
totalmente estranho. Nosso filho nos aplaudiu dizendo "O papai está
carregando a mamãe no colo!" Suas palavras me causaram constrangimento. Do
quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa, eu devo ter
caminhado uns 10 metros carregando minha esposa no colo. Ela fechou os
olhos e disse baixinho "Não conte para o nosso filho sobre o divórcio" Eu
balancei a cabeça mesmo discordando e então a coloquei no chão assim que
atravessamos a porta de entrada da casa. Ela foi pegar o ônibus para o
trabalho e eu dirigi para o escritório.

No segundo dia, foi mais fácil para nós dois. Ela se apoiou no meu
peito,eu senti o cheiro do perfume que ela usava. Eu então percebi que há
muito tempo não prestava atenção a essa mulher. Ela certamente tinha
envelhecido nestes últimos 10 anos, havia rugas no seu rosto, seu cabelo
estava ficando fino e grisalho. O nosso casamento teve muito impacto nela.
Por uns segundos,cheguei a pensar no que havia feito para ela estar neste
estado.

No quarto dia, quando eu a levantei, senti uma certa intimidade maior
como corpo dela. Esta mulher havia dedicado 10 anos da vida dela a mim.

No quinto dia, a mesma coisa. Eu não disse nada a Jane, mas ficava a
cada dia mais fácil carregá-la do nosso quarto à porta da casa. Talvez
meus músculos estejam mais firmes com o exercício, pensei.

Certa manhã, ela estava tentando escolher um vestido. Ela experimentou uma
série deles mas não conseguia achar um que servisse. Com um suspiro,ela
disse "Todos os meus vestidos estão grandes para mim". Eu então percebi
que ela realmente havia emagrecido bastante, daí a facilidade em
carregá-la nos últimos dias.

A realidade caiu sobre mim com uma ponta de remorso... ela carrega
tanta dor e tristeza em seu coração..... Instintivamente, eu estiquei o
braço e toquei seus cabelos.

Nosso filho entrou no quarto neste momento e disse "Pai, está na hora de
você carregar a mamãe". Para ele, ver seu pai carregando sua mão todas as
manhãs tornou-se parte da rotina da casa. Minha esposa abraçou nosso filho
e o segurou em seus braços por alguns longos segundos. Eu tive que sair de
perto, temendo mudar de idéia agora que estava tão perto do meu objetivo.
Em seguida, eu a carreguei em meus braços, do quarto para a sala, da sala
para a porta de entrada da casa. Sua mão repousava em meu pescoço. Eu a
segurei firme contra o meu corpo. Lembrei-me do dia do nosso casamento.

Mas o seu corpo tão magro me deixou triste. No último dia, quando eu
asegurei em meus braços, por algum motivo não conseguia mover minhas
pernas.Nosso filho já tinha ido para a escola e eu me vi pronunciando
estas palavras:"Eu não percebi o quanto perdemos a nossa intimidade com o
tempo".

Eu não consegui dirigir para o trabalho... fui até o meu novo futuro
endereço,saí do carro apressadamente, com medo de mudar de idéia...Subi
as escadase bati na porta do quarto. A Jane abriu a porta e eu disse a
ela "Desculpe Jane. Eu não quero mais me divorciar".

Ela olhou para mim sem acreditar e tocou na minha testa "Você está com
febre?" Eu tirei sua mão da minha testa e repeti "Desculpe,Jane. Eu não
vou me divorciar. Meu casamento ficou chato porque nós não soubemos
valorizar os pequenos detalhes da nossa vida e não por falta de amor.
Agora eu percebi que desde o dia em que carreguei minha esposa no dia do
nosso casamento para nossa casa, eu devo segurá-la até que a morte nos
separe.

A Jane então percebeu que era sério. Me deu um tapa no rosto, bateu a
porta na minha cara e pude ouví-la chorando compulsivamente. Eu voltei
para ocarro e fui trabalhar.

Na loja de flores, no caminho de volta para casa, eu comprei um buquê
de rosas para minha esposa. A atendente me perguntou o que eu gostaria
de escrever no cartão. Eu sorri e escrevi: "Eu te carregarei em meus
braços todas as manhãs até que a morte nos separe".

Naquela noite, quando cheguei em casa, com um buquê de flores na mão e um
grande sorriso no rosto, fui direto para o nosso quarto onde
encontrei minha esposa deitada na cama - morta.
Minha esposa estava com câncer e vinha se tratando a vários meses, mas eu
estava muito ocupado com a Jane para perceber que havia algo errado com
ela. Ela sabia que morreria em breve e quis poupar nosso filho dos efeitos
de um divórcio - e prolongou a nossa vida juntos proporcionando ao nosso
filho a imagem de nós dois juntos toda manhã. Pelo menos aos olhos do meu
filho, eu sou um marido carinhoso.

Os pequenos detalhes de nossa vida são o que realmente contam num
relacionamento.Não é a mansão, o carro, as propriedades, o dinheiro no
banco. Estes bens criam um ambiente propício a felicidade mas não
proporcionam mais do que conforto. Portanto, encontre tempo para ser amigo
de sua esposa, faça pequenas coisas um para o outro para mantê-los
próximos e íntimos. Tenham um casamento real e feliz!

Se você não dividir isso com alguém, nada vai te acontecer.

Mas se escolher compartilhar para alguém, talvez salve um casamento.
Muitos fracassados na vida são pessoas que não perceberam que estavam
tão perto do sucesso e preferiram desistir..

Valorize quem realmente te ama..Pense nisso!

quinta-feira, 8 de março de 2018

Crianças Indigos


A partir da década de 80, elas começaram a chegar, mais e mais. São crianças espetaculares, que chegam para ajudar a Humanidade na transformação social, educacional, familiar e espiritual de todo o planeta, independente das fronteiras e das classes sociais. Estas crianças são como catalisadores da nova consciência e vêm desencadear as reações necessárias para as transformações.

Elas ajudar-nos-ão a diminuir o distanciamento entre o PENSAR e o AGIR. Hoje na nossa sociedade todos sabem o que é certo ou errado. No entanto, nós frequentemente agimos diferentemente do que pensamos. Dessa maneira, estas crianças vão nos induzir a diminuir este distanciamento gerando assim uma sociedade mais autêntica, transparente, verdadeira, com maior confiança nos inter-relacionamentos;

Elas também nos ajudarão a mudar o foco do EU para o PRÓXIMO, inicialmente a partir do restabelecimento da autenticidade e confiança da humanidade, que são pré-requisitos para que possamos respeitar e considerar mais o próximo do que a nós mesmos. Como consequência, teremos a diminuição do egoísmo, da inveja, das exclusões, resultando numa maior solidariedade, partilha e cooperação entre todos os seres.

Talvez esteja a questionar-se: como é que estas crianças vão fazer tal transformação?
Através do questionamento e transformação de todas as entidades rígidas que as circundam. Começando pela Família, que hoje se baseia na imposição de regras, sem tempo de dedicação, sem autenticidade, sem explicações, sem informação, sem escolha e sem negociação. Estas crianças simplesmente não respondem a estas estruturas rígidas porque para elas é imprescindível haver opções, relações verdadeiras e muita negociação. Elas não aceitam serem enganadas porque elas têm uma "intuição" nata para perceber as verdadeiras intenções e, mais, não têm medo. Portanto, intimidá-las não traz qualquer resultado, porque elas sempre encontrarão uma maneira de obter a verdade. Elas percebem as verdadeiras intenções e as fraquezas dos adultos.
A segunda entidade vulnerável à ação dos Índigos é a Escola. Hoje o modelo de ensino tem um carácter impositivo sem muita interação, sem tempo para escutar e sem a participação dos estudantes. Simplesmente este modelo é incompatível com os Índigos, sendo que este é o pior dos conflitos para eles, muitas vezes superior ao existente na Família, principalmente pela falta de vínculos afetivos e amorosos. Como elas possuem um estrutura mental diferente, elas resolvem problemas vulgares de uma maneira diferente, além de encontrar formas diferentes de raciocínio que abalam o modelo atual de ensino.
Assim, através do questionamento, elas influenciarão todas as demais entidades, tais como: o mercado de trabalho, a cidadania, as relações interpessoais, as relações amorosas e até as instituições espirituais/religiosas, pois elas são essencialmente dirigidas pelo hemisfério direito.
Infelizmente, a missão dos Índigo é muito difícil, pois sofrerá rejeição de algumas entidades da nossa sociedade. Antes dos anos 80, os Índigos morriam muito cedo porque a frequência de energia do planeta não lhes era favorável. Depois da nova frequência e com um montante maior de crianças, elas começaram a causar transformações maravilhosas no nosso planeta e em breve, após uma geração, nós poderemos perceber claramente as modificações.

Algumas "dicas" para reconhecer os Índigos
* Têm alta sensibilidade * Têm excessivo montante de energia* Distraem-se facilmente
* Têm baixo poder de concentração
* Requerem emocionalmente estabilidade e segurança dos adultos * Resistem à autoridade se não for democraticamente orientada * Possuem maneiras preferenciais na aprendizagem particularmente na leitura e matemática * Aprendem através do nível de explicação, resistindo à memorização mecânica ou a serem simplesmente ouvintes* Não conseguem ficar quietas ou sentadas, a menos que estejam envolvidas em alguma coisa do seu interesse * São muito compassivas; têm muitos medos tais como a morte e a perda dos amados
* Se elas experimentarem muito cedo decepção ou falha, podem desistir e desenvolver um bloqueio permanente.

Fonte:http://peregrina12.planetaclix.pt/criancasindigo.html

quarta-feira, 7 de março de 2018

Encontre Deus. Ele está ao seu Lado.


Ele está ao seu Lado.
Quantas e quantas vezes em nossa vida, não encontramos explicação para alguma coisa, às vezes as dificuldades, as desavenças, intrigas e uma porção de dificuldades, até o financeiro negativo.
Algumas pessoas perguntam a si mesmo: Por que eu?
Deus sempre prepara a vida de cada um, imaginem vocês se Deus cobrasse de Nós o ar que respiramos, a luz das estrelas, o sol que brilha; o mar; as matas; as cachoeiras, enfim milhares de coisas que temos acesso de graça e, as vezes esquecemos de agradecer e ainda queremos mais e mais.
O ser humano é bem materialista e sempre quer mais conquistas.
Deus nos dá a terra para plantarmos e a colheita é nossa. Se plantarmos amor é claro que colheremos felicidade, se plantarmos tempestade é claro que colheremos brigas, desuniões, desavenças. Se plantarmos ódio, é claro colheremos doenças e negatividade.
Agora pare e pensem:
Deus nos deu tudo de bom e melhor?
- É claro que sim!
Então porque não vamos retribuir também ao Mundo e as pessoas aquilo que ganhamos dele com amor e carinho.
Comece o seu dia sorrindo, cantando, orando, vá trabalhar com o espírito de servir, faça o seu trabalho não como obrigação ou porque precisa do Dinheiro, faça-o com o espírito de servir, de colaborar, de distribuir coisas boas, tenha boas amizades; respeite seu próximo, não fale mal de seus companheiros; coloque flores ao seu lado; coloque Deus em seu coração; comece a plantar amor, alegria, felicidade, prosperidade, Deus dá a terra, plante que quando chegar à colheita com certeza você será mais feliz.
Você patrão, sorria para os seus funcionários, cumprimente, elogie, valorize, agradeça, lembre-se você paga com o Dinheiro, mas eles fazem você ganhá-lo, e é claro não se esqueça que eles colaboram com seu sucesso.
Se você nunca fez nada de bom até Hoje, Comece! Deus te dá todo o tempo do Mundo, mas comece por Perdoar, por agradecer e depois pedir e, depois encontrará as explicações para tudo.
Pense nisso!

terça-feira, 6 de março de 2018

AMULETOS


CONTRA A INVEJA

Os amuletos ou talismãs são objetos de proteção que podem nos auxiliar em nosso dia-a-dia. É bastante viável que tenha havido mudanças em seus formatos ao longo dos anos, mas mesmo assim o poder que deles emanam continua inalterado.Alem de atrair sorte, os amuletos também servem para afastar qualquer tipo de energia negativa. Para que o mesmo tenha um poder ainda maior, o ideal seria ganhá-lo de presente. Mas, você também pode comprá-los em casas especializadas, como casa de umbanda, por exemplo.
OLHO-DE-CABRA
não é o olho do animal. Trata-se de um amuleto que é feito através das sementes vermelhas e pretas da planta chamada olho-de-cabra. Carregá-lo dentro da carteira vai afastar toda a inveja que estiver atrapalhando a sua vida.
PÉ DE COELHO
o coelho é considerado símbolo de fertilidade, portanto, quem tiver um pé de coelho como amuleto estará afastando as más energias que impedem a fertilidade em qualquer campo da vida, como na família, no amor e nos negócios
FIGA
geralmente são feitas de metal ou madeira e indicam o gesto de colocar o dedo polegar entre o indicador e o médio. Atrai proteção e energia positiva, além de afastar a inveja e o mau-olhado de qualquer pessoa.

PROTEÇÃO DO LAR

FERRADURA
Bastante antigo, é um talismã que tem o poder de atrair o bem e expulsar o mal da casa que a tiver pregada na parede. Para ter mais força ainda, deve ser colocada atrás da porta de entrada da casa. Pode ser usada também para expulsar pessoas invejosas do lugar. Atrai dinheiro e prosperidade.
ELEFANTE BRANCO
Além de proteger a casa, impede que energias negativas destruam a sua família. Você deve usar esse amuleto com o traseiro do elefante virado para a porta de entrada da casa, evitando que fluidos negativos e olhares invejosos possam entrar por ela.
BUDA
Conhecido também como "o talismã da felicidade", atrai sorte e dinheiro, se estiver ao lado de moedas, para quem possui essa estátua em casa. Deve ser colocado virado para a parede, dentro de um pires e, de preferência, com muitas moedas ao seu redor para atrair riqueza. Para chamar a sorte, deve-se coçar a barriga do Buda, em sinal de carinho.

PARA TER SORTE

TREVO DA SORTE
Para se ter sorte em jogos, esse é o melhor talismã. Você de usá-lo para afastar o azar de vez em sua vida. Toda vez que você achar um trevo-de-quatro-folhas por aí, guarde-o com carinho na carteira, até secar, sempre pensando positivamente que ele está atraindo muita sorte na hora de jogar. Caso não consiga ter um de verdade, pode ser um fabricado, desde que você o use com a mesma fé de sempre.
LUA
Também é muito poderosa. Basta pensar que ela é o satélite natural da Terra. Geralmente é muito bonita e pode servir também como objeto de decoração. Se for de um tamanho pequeno, pode ser usado como pingente ou brincos.
PIRÂMIDE
Capta as energias positivas do ambiente e as transmite para quem está por perto. É considerado o amuleto mais completo para quem está precisando de energia em todos os setores da vida. Para conseguir equilíbrio emocional, saúde e também tranqüilidade, você deve usá-la no peito, com pingente de uma corrente que goste muito.
-------------------------------------------------------------------------------------------------
 
Fonte:http://www.astrologosastrologia.com.pt/talismas_amuletos_inveja+sorte+proteccao.htm

segunda-feira, 5 de março de 2018

MEDITE EM 15 MINUTOS


Pensando na dificuldade que muitos têm de encontrar um tempo para meditar, ou não tem paciência de sentar por quinze minutos para aquietar corpo e mente, vou ensinar como relaxar e meditar deitado ao mesmo tempo.Vivencie isso e experimente mais quietude e paz interior.Relaxe todo o seu corpo na cama, ou em seu tapetinho de hatha yoga, ou em um lugar bem confortável.
Feche seus olhos. Permita que os músculos da nuca se soltem.
Suavize seu rosto, soltando os músculos do rosto.
Deixe que a testa fique descontraída.
Deixe que a mandíbula relaxe. Deixe a língua repousar no chão da boca.
Sinta maxilares e língua pesados.
Deixe os braços e pernas soltos e pesados na cama.
Relaxe suas costas e região glútea.
Sinta que seu corpo está leve e pesado ao mesmo tempo.Observe o fluxo natural da respiração. Comece a acompanhar o ritmo natural da respiração apoiando no mantra So’ham. (pronuncia-se: sou ‘ram) .O mantra So’ham é muito sagrado e significa: Eu sou isso. Com “isso” se referindo a Deus em tudo, em nós e em toda a criação. Ao expirar, mentalmente repita “so”, e na inspiração, repita mentalmente “ham”. É um mantra simples, mas muito poderoso. Acompanhe a entrada e saída do ar. Ao repeti-lo com essa respiração simples, as inquietudes se dissolvem na pulsação das qualidades sonoras e vibratórias do mantra, trazendo calma e apaziguamento com o ritmo natural da respiração. Esse ritmo natural da vida que se instala é como as ondas serenas do mar. Use a respiração para relaxar e concentrar a mente.
Ao repetir o mantra So’ham tenha consciência do dar e receber.
Em cada expiração, tome consciência da ação de dar. Se entregue, permita-se “deixar ir”.
Em cada inspiração, tenha a consciência de receber a vida, de honrar o Ser interior nesse instante. A chave para relaxar e meditar deitado ao mesmo tempo é a consciência localizada. Não é simplesmente relaxar e não é dormir. Você está consciente, mas vai deslizando para níveis tranquilos e profundos como se ‘dormisse acordado’.

Essa experiência não pode ser sentida intelectualmente, ou apenas tentando uma vez ou outra, é um aprendizado de se entregar. Como para aprender a nadar, você precisa entrar na água e praticar, assim também, para sentir a paz interior, você precisa praticar com regularidade.Meditação significa percepção, estado de mente alerta, e, ao mesmo tempo, relaxada. Se você dormir, não será meditação.Embora para não dormir ao meditar, seja melhor meditar sentado, experimente meditar deitado para conseguir aprender a se entregar e se aquietar.
E, como disse um grande mestre yogue, Baba Muktananda, em seu livro: “Encontrei a vida:” Se você não consegue achar tempo para meditar durante o dia, medite antes de dormir. Caia no sono murmurando So’ham, e So’ham continuará a ocorrer mesmo enquanto você dorme, até acordar de manhã. A experiência do Ser é a mesma para todos. Esta experiência existe no interior de todos nós. Não vem do exterior. Assim sendo, vá fundo, fundo para dentro.” Quando for deitar para meditar, seja paciente e atento. Sem expectativas de resultados, simplesmente saboreie o momento, goste de estar na sua boa companhia. Ensine seu corpo a disciplina do silêncio, da quietude e essa prática vai silenciar sua mente, diminuindo seus pensamentos e ansiedade. Pratique e experimente a tranquilidade da mente.
Fique em paz! Namastê! Deus em mim saúda Deus em você!

fonte: http://www2.uol.com.br/vyaestelar/equilibrese_relaxe.htm