sexta-feira, 10 de setembro de 2010

A FAMÍLIA E O PERDÃO


Sabemos que na maioria das famílias existem brigas, discussões por vários motivos, não importa, mas o que precisamos na verdade é aprender a perdoar, seja ela sua irmã(o), cunhada(o) entre outros, precisamos ter paz de espírito, analisar o acontecido, chegar frente a frente e tentar entender e aceitar ou dar o perdão.
Amigos! Pense sempre que aqui estamos de passagem e tudo que usufruímos aqui é só emprestado a nós por um tempo que só Deus determina, por isso que temos carro, casa, etc... Mas na verdade não temos nada, pois tudo isso ficará aqui nesse plano.
Por isso brigar, ficar sem conversar, virar a cara por qualquer que seja o motivo não vale a pena.
Deus colocou a família em nossa vida porque ela é o esteio, nos ensinou a perdoar porque é sublime, então nós temos que usar esses ensinamentos e também a pessoa que guarda raiva ou ódio de alguém, só tende a ficar doente, pois a raiva, inveja e o ódio coroe o espírito.
Nunca se esqueça de como é bom ter paz, alegria. A felicidade, a amizade só traz boas vibrações e sua vida melhora cada vez mais.
Por isso amigos, se vocês estiverem com raiva, mágoa ou ódio de alguém, chegue nessa pessoa e tente se acertar com ela, você verá como daí para frente sua vida será melhor.

Axé
Por:Ivanih Bianco
19-3462-9248


--------------------------------------------------------------------------
Amigos leitores, uma dica pra vocês.

SE VOCÊ PUDER...

MANEIRAS PRÁTICAS DE RELAXAR O CORAÇÃO.


Se você puder, pratique ainda hoje:
Esqueça contratempos e mostre um sorriso mais amplo para aqueles que partilham a sua vida;
Dê mais um toque de felicidade e beleza a seu recanto doméstico;
Faça uma visita, mesmo ligeira, ao doente que você deseja reconfortar;
Escreva, ainda que seja um simples bilhete, transmitindo esperança e tranqüilidade, em favor de alguém;
Melhore os seus conhecimentos no setor de trabalho em que esteja empregando o seu tempo;
Estenda alguma energia a mais de otimismo e dê alegria aos que se encontram na sua faixa de convivência;
Procure esquecer, mas esquecer mesmo, tudo o que se faça motivo de tristeza ou aborrecimento;
Leia alguma página edificante e escute música que pacifique o coração;
Dedique alguns minutos à meditação e à prece;
Pratique, pelo menos, uma boa ação sem contar isso a ninguém.

Estas indicações de apoio espiritual, se forem observadas, farão grande bem aos outros, mas especialmente a você mesmo.

ANDRÉ LUIS –Mensagem recebida pelo médium Francisco Cândido Xavier

Nenhum comentário:

Postar um comentário