FITOTERAPIA


Blog da Esotérica Ivanih Bianco
Consultas com hora marcada, pessoalmente ou por telefone (Pagamento por depósito bancário) Ligue e marque seu horário:19-3462-9248
Americana-SP

É a cura pelas plantas. É, talvez, a mais antiga forma de tratamento de doenças


Xarope da sinusite


Apesar de não ser a mais apetitosa das combinações, a couve, os coentros e o mel fazem um xarope excelente no combate à sinusite.



A sinusite é uma patologia caracterizada pela inflamação e infecção dos seios nasais, frontais e maxilares. Desenvolve-se quando estes estão cheios de muco.
A sinusite aguda provoca dor e pressão no nariz, face, testa e, algumas vezes, fortes dores de cabeça. A congestão crónica dos seios perinasais pode estar relacionada com a poluição no ambiente, uma excessiva quantidade de toxinas no organismo ou ser o resultado de uma rinite alérgica crónica.
Para reduzir os efeitos da sinusite:
• Beba muitos líquidos de forma a eliminar do organismo as toxinas e manter os seus intestinos a funcionar.
• Exercite-se ao ar livre
• Areje frequentemente o seu espaço de trabalho e a sua casa.
• Evite certos alimentos que dão azo a mucosidades, pelo menos até a sinusite passar, nomeadamente: lacticínios, cereais refinados (como a massa e o pão) e o açúcar.
• Dê preferência a alimentos como a maçã, limão, manga, ananás, cereja, alho francês, cebola, cenoura, couve, alho, coentros, camomila, hortelã, tomilho, gengibre, canela e cidreira.
Utilize e inclua estes ingredientes em sopas, sumos e chás para eliminar esta condição do seu organismo. As bebidas deverão ser preferencialmente tomadas quentes, pois ajudam a mover as mucosidades.
Xarope de couve e coentros
• Duas colheres de chá de sementes de coentros
• ½ couve, cortada finamente
• Mel para cobrir a couve
1. Esmague as sementes de coentros.
2. Coloque-as de seguida num recipiente com a couve e cubra com mel.
3. Deixe de um dia para o outro e depois coe o xarope.
4. Tome uma a duas colheres de chá, 3 vezes por dia até melhorar.




Urze contra as inflamações da bexiga


A urze prolifera um pouco por todo o país. Se sofre de transtornos da bexiga procure nas sumidades da urze parte da resposta para o seu problema.



A urze (Calluna vulgaris) é uma planta da família das Ericáceas. Ela pode crescer até aos 20 cm de altura, as suas folhas são muito pequenas e dispõem-se em quatro carreiras, variando a cor das mesmas desde o verde até ao avermelhado, por alturas do Outono. Nas pontas encontramos as flores sob a forma de ramalhete e de um lindo tom lilás.
Esta planta possui propriedades diuréticas, anti-sépticas e antiputridas.
O cozimento das sumidades, floridas ou não, pode ser utilizado para tratar afecções inflamatórias da bexiga, aclarando a urina, aumentando a sua quantidade e restituindo-lhe o seu odor normal. Homeopaticamente utiliza-se a sua tintura no tratamento das vias urinárias e afecções renais. Pode encontrar a planta no mercado sob a forma dessecada e em troços.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Qual a diferença entre " Oração e Prece "

Hoje 22 de Maio - Dia de Santa Rita

É HOJE - DIA DO SENHORES DO CARMA -